Amizade em música…

Tudo começou quando eu estava procurando esse vídeo:

E acabei encontrando esse:

Foi aí que perguntei na comunidade de Emmanuel Moire:

“Alguém conhece Il Divo?”

Você: “Euuuu!! Oi, Breno, eu conheço Il Divo, você gosta?”. E foi assim que nos falamos pela primeira vez.

Depois, você me apresentou a esses anjos:

E aí começamos a conversar, a nos conhecer, a gostar um do outro.

Lembro quando você passava a madrugada na internet, e só ia dormir de manhã!

Enquanto isso, nossos artistas favoritos eram os mesmos…

Conversávamos por horas, madrugadas inteiras, e não nos cansávamos!

Mudamos ao longo do tempo… nem tudo são flores, mas a vida é assim. Foram muitas discussões e desentendimentos, mas tudo que vivemos de bom tornam os outros momentos irrelevantes.

Enquanto isso, sempre estávamos um ao lado do outro nos momentos de tristeza:

De alegria (nem acredito que cantamos isso para alguém num hotel francês! kkk):

De sonho (essas músicas estavam na setlist do show que queríamos fazer em 2009):

Amamos tanto música que muitas vezes tentamos uns covers bem mal sucedidos no skype. haha

Antes disso, eu sempre me recusava a tentar cantar qualquer coisa pra você, por motivos óbvios! haha. Antes de eu tentar cantar va, pensiero, e outras, a primeira que tentei foi essa aqui (você estava viajando, na casa dos seus avós e estava numa lan house!):

Sempre tivemos músicas especiais, que apenas uma frase delas significava muito para nós:

E como esquecer aquelas marcantes, transcendentais, inspiradoras?

E para não dizerem que não temos um lado pop…

E assim é nossa amizade, uma linda trilha sonora, que eu espero que continue a tocar por muito tempo.

 

 


Hayley Westenra – Dark Waltz

Assim como I Dreamt I Dwelt In Marble Halls (versão de Celtic Woman) me deixou obcecado ano passado, agora é a vez de Dark Waltz, de Hayley Westenra, me fazer sair do corpo (gosto de ser exagerado). =p

Há dias não paro de ouvir essa música. Eu me sinto FELIZ ao ouví-la! Indescritível a sensação… é como se eu pudesse ser o que quiser!

Fiquem com essa obra divina:


Sobre Rebecca Black

Quem tem twitter não pôde deixar de notar um nome desconhecido liderando os TT’s da semana. Tratava-se de Rebecca Blacks, a jovem que estourou essa semana no youtube, com uma música e clip de gosto duvidoso.

Bem, não vou entrar em muitos detalhes, só gostaría de chamar atenção para uam coisa.

O clip é tosco? É. A música é tosca? É. A letra é pior ainda? É! Mas qual é a diferença entre isso e “Baby, baby, baby ooo” e “Gaga uh la la”? Nenhuma!

Só tô falando isso porque o pessoal da internet adora tirar sarro de quem quer que seja – e ela é a vítima da vez. Mas muitas dessas pessoas ouvem Justin Bieber e Lady Gaga (e os adora, diga-se de passagem). E Rebecca não é pior que eles! Só é mais do mesmo…

Fica a reflexão! ;)


O Lago dos Cisnes

Não sou um grande fã de Ballet, mas adoro suas músicas!

Depois de assistir o filme Black Swan (Cisne Negro), redescobri a música de Tchaikovsky. Resultado: Vício total.

A música mais conhecida é a seguinte, meu coração mal aguenta ouví-la! hauhuahua

Do Ballet mesmo, vou postar minhas cenas favoritas (com minhas músicas preferidas -p):

O ínicio, quando Odette é transformada no Cisne Branco, pelo feitiçeiro Von Rothbart’s:

Dança do príncipe com a feitiçeira ODile (O Cisne negro):

Ainda com o Cisne negro, quando o príncipe a pede em casamento e, em seguida, descobre que foi enganado:

E o final trágico e dramático, com a morte de Odette e do príncipe:

Vocês podem ver a versão completa do American Ballet Thatre aqui:

Essa é a parte 1 e as outras são facilmente encontradas nos vídeos relacionados.


Piedoso Jesus

Ultimamente to me sentindo tão mais em sintonia com o divino!

Acabei de voltar da missa, e sempre que chego em casa morro de vontade de ouvir essa música perfeita:

Eu adoro música em latim. É uma língua que me fascina!

Retirando as repetições, a tradução é:

Piedoso Jesus

Que tirais o pecado do mundo

Dai-nos a Paz

Cordeiro de Deus

Que tirais o pecado do mundo

Dai-nos a paz

Por todo o sempre



Noite Tranquila…

Quando durmo,

Com teu som em meu ouvido

Tudo o que sonho é lindo…


Passacaglia – Duo inacreditável

Voltei rápido, pessoas! (?)

Vamos ouvir uma música barroca?

Há muito tempo tá na minha mente a música Passacaglia, de Handel. Se pudesse definí-la em uma só palavra seria: virtuosa. Já ouvi versões para violino/cello e violino/viola – sem dúvida a primeira opção me agrada mais.

Vou postar a versão dos meus amados Daniel e Julia. Espero que gostem e comentem a respeito da música! O que sentem quando a ouvem?

Incrível como essa música tem várias facetas. Ora o violino tem um som doce, ora explosivo. É explorado de todas as formas, aproveitando bem o grave e atingindo as últimas posições no agudo. E ainda tem pizzicato (que eu adoro) . Sobre o Cello, não seimuito o que dizer, mas sonoramente ele possui quase toda a dramaticidade da música. Na parte lenta, porém, ele é a alma da canção.

Eu quase enlouqueço de euforia com a parte quase no final, bem rápida. Talvez represente desespero.

P.S: Leigo falando.

 


Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.